Morre Silvio Lancellotti, Jornalista referência em futebol Italiano

Silvio Lancellotti, jornalista esportivo, morre em SP aos 78 anos

Arquiteto de formação, adotou o jornalismo como profissão e tinha mais de 50 anos de trabalho na TV, em jornais e revistas, além de ser também escritor.

Silvio Lancellotti
O jornalista esportivo Silvio Lancellotti, de 78 anos. — Foto: Reprodução/Instagram

O jornalista esportivo Silvio Lancellotti, de 78 anos, morreu nesta terça-feira (13) em São Paulo.

Em nota, o Hospital São Paulo informou que Lancellotti “estava internado na UTI geral desde o dia 6 de setembro com grave quadro cardíaco”.

A informação da morte foi divulgada também pelos canais ESPN, onde Lancellotti trabalhou por quase dez anos, transmitindo, principalmente, os jogos do Campeonato Italiano de Futebol para o público brasileiro.

Arquiteto de formação, adotou o jornalismo como profissão e tinha mais de 50 anos de trabalho na TV, em jornais e revistas, além de ser também escritor.

Participou das equipes inaugurais das revistas “Veja” e “IstoÉ”, dirigiu a revista “Vogue” e foi cronista de Esportes e Gastronomia da “Folha de S.Paulo” e do “Estado de S.Paulo”.

Silvio Lancellotti
Silvio Lancellotti — Foto: Reprodução/Instagram

Começou na televisão em 1984 e teve passagens pelas principais emissoras da cidade de São Paulo, entre elas a Gazeta, Manchete, Band, Record e ESPN, além apresentar cerca de 5 mil programas de Culinária, outra de suas especialidades.

Como comentarista de futebol, participou de oito edições da Copa do Mundo e seis dos Jogos Olímpicos.

Escreveu cinco livros sobre Esportes, doze de Culinária e quatro romances. “Honra ou Vendetta” se transformou na novela “Poder Paralelo”, da Rede Record, nos anos de 2009 e 2010.

Em 2012, ele passou a integrar o time de colunistas do Portal R7, da TV Record.

Fonte: G1

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.